Edição da SP-Arte 2018 abre em clima de otimismo

12 Apr 2018

1/8

A 14a edição da SP-Arte foi aberta nesta quarta-feira (11/4) no prédio da Bienal no Parque Ibirapuera, na Zona Sul de São Paulo. A feira considerada a maior do segmento no Hemisfério Sul segue até domingo. O clima é de otimismo para os galeristas e servirá de termômetro para o mercado de arte no Brasil. O evento conta com 131 galerias, a maioria é nacional, mas estão presentes galerias de outros 15 países. Só de Nova York participam 4 galerias, havendo ainda representantes de Madrid, Barcelona, Londres, Roma e Santiago.

Cerca de 5 mil obras de artistas em ascensão e também consagrados - como Ai Weiwei, Banksy e Cícero Dias compõe o evento. A principal novidade este ano é o setor perfomance que ganhou uma curadoria própria, com isso o público vai poder acompanhar a criação dos artistas em tempo real. 

Fernanda Feitosa, diretora da feira, conta que a SP Arte arte chega a movimentar 300 milhões de reais em negócios, e eventos indiretos como hotéis, restaurantes, e transportes. Além das exposições, a programação da SP-Arte contará com agenda de debates, palestras, visitas guiadas, performances e lançamentos de livros. A programação completa está disponível no site oficial: www.sp-arte.com

 

Fotos divulgação 

 

Please reload

© 2016 Patricia Boiteux Brandão. Todos os direitos reservados.